sábado, 3 de outubro de 2009

À PROCURA DE UMA PAREDE PRA ME ESCORAR...

*


Ontem foi assim: depois de lutar bravamente contra a preguiça, troquei o sofá branco de casa pelo sofá preto da festa de aniversário. Foi uma troca interessante. Descobri "o cantinho mágico" logo na chegada, e disse para a minha companhia: que tal sentarmos ali e nunca mais levantar? Topado na hora. Além de confortável - pude ficar descalça e com os pés em cima do sofá a noite toda - o local considerado por unanimidade como "o melhor da festa" foi estratégico, principalmente pelas cenas que pudemos contemplar. Como é adorável abservar! E em meio as ótimas companhias (que não me deram sequer o trabalho de levantar!), sobrevivi, afundada, à disputada festa que "por pouco" não consegui entrar.
*
Agora me recupero, afundada (novamente!) no sofá de casa, nem tão branco assim...

3 comentários:

Liliam disse...
Este comentário foi removido pelo autor.
Liliam disse...

Dois bons motivos pra se jogar fácil, fácil numa festa: 1. quando o sofá é tããão fofinho e gostoso e 2. quando o melhor da festa acontece... como posso dizer?... bem no meio da gente! ;-)
Bjos, gatona!

Vanessa Dantas disse...

Que máximo não, Lili? Mais uma história boa pra contar, ou melhor, lembrar...

Beijo, linda.